Comissão Social da Freguesia do Beato

A presente situação socioeconómica que o nosso país atravessa, leva a que a sensibilidade com a população mais carenciada do Beato seja neste momento uma grande preocupação da Junta de Freguesia. Este foi o ponto de partida para a criação da Comissão Social da Freguesia do Beato, projecto onde a Junta de Freguesia do Beato irá trabalhar em articulação com diferentes parceiros públicos e privados, tendo por base de acção princípios como subsidiariedade, integração, articulação, participação conjunta, inovação e interactividade.

O Boletim Informativo “O Beato” registou as palavras da Vogal da Junta de Freguesia, Lucília Charneca, responsável pelo Pelouro da Acção Social, que nos explicou que “a Comissão Social da Freguesia do Beato é um órgão de articulação dos diferentes parceiros públicos e privados que a constituem, com vista ao planeamento estratégico da intervenção social local, tendo como finalidade a promoção da inclusão social de toda a população, numa lógica de uma rede integrada de compromisso colectivo”. A Comissão Social da Freguesia irá funcionar nas instalações da Junta, e segundo Lucília Charneca caberá à Junta de Freguesia “assegurar o apoio técnico e administrativo necessário ao funcionamento da Comissão Social. Aprofundando um pouco mais aquele que irá ser o trabalho da Comissão Social, Lucília Charneca explica que “pretendemos que na nossa comunidade se criem novas formas de conjugação de esforços, se avance na definição de prioridades e que em suma, se planeie de forma integrada e integradora, o esforço colectivo através da constituição de um novo tipo de parceria entre entidades públicas e privadas, com intervenção na Freguesia do Beato. Esta parceria irá basear-se na igualdade entre os parceiros, na consensualização dos objectivos e na concertação das acções desenvolvidas pelos diferentes agentes locais”.